“Uma pessoa que não tem esses movimentos no coração, que não discerne o que acontece, é uma pessoa que tem uma fé fria, uma fé ideológica.”

“Deixar-se inquietar pelo Espírito Santo:

‘Eh, ouvi isso… Mas, padre, isso é sentimentalismo?’ – “Pode ser, mas não. Se você for pela estrada justa não é sentimentalismo”.

‘Senti a vontade de fazer isso, de visitar aquele doente ou mudar de vida ou abandonar isso …’.

Sentir e discernir: discernir o que sente o meu coração, porque o Espírito Santo é o mestre do discernimento.

Uma pessoa que não tem esses movimentos no coração, que não discerne o que acontece, é uma pessoa que tem uma fé fria, uma fé ideológica.

A sua fé é uma ideologia, é isso”.

Será que o Santo Padre aprova uma ideologia qualquer, ou deseja verdadeiramente guiar suas ovelhas para o Bom Pastor? 🙂

Texto na íntegra (Radio Vaticana):
http://pt.radiovaticana.va/news/2017/05/29/papa_f%C3%A9_%C3%A9_fria_e_ideol%C3%B3gica_quando_n%C3%A3o_se_escuta_o_esp%C3%ADrito/1315528